Translate

sexta-feira, 19 de abril de 2013

conversa com as estrelas

Estrelas que me vêm lá do alto perdoem-me por eu cá de baixo não olhar para vós que me são superiores e que vivem ao lado dos deuses, lá nos céus.
Mas a verdade é que a ciência tirou o encanto de ver o vosso brilhar cintilante pois para tudo há uma justificação lógica...
"O destino é feito por nós." "É o homem que joga a sorte." "As estrelas são grandes bolas de fogo suspensas no universo."
Queridas estrelas, como querem que eu vos ame se já sei que vós não sois antepassados meus brilhando à noite para não me sentir tão sozinha? Como querem que eu acredite que na vossa existência se estão a milhares de anos-luz e actualmente até podem já não existir?
A idade medieval foi a idade das trevas, para muitos historiadores... Mas digo-vos queridas estrelas, antes as trevas de não saber nada, do que as trevas de destruir tudo em que eu gostaria de acreditar.

Sem comentários:

Enviar um comentário