Translate

domingo, 28 de julho de 2013

sexta-feira, 26 de julho de 2013

Nos anos que passaram acreditei que apenas poderia escrever com a tristeza como inspiração. Um dia, um fantasma fez-me acreditar que eu poderia escrever sobre a felicidade também. Agora pergunto-te fantasma do meu coração, como poderei escrever sobre a felicidade se em tudo eu vejo tristeza? Não sei ver o lado feliz da vida e não consigo ser positiva em relação ao sentido da minha vida!
Sinto que dou passos largos e apressados para chegar a um futuro brilhante! Mas a verdade é que agora estou no futuro do meu passado e eu não sonhei com este momento desta maneira, não me sonhei a vestir um pijama cor-de-rosa com ursinhos e dormir numa cama de solteira!
Eu sonhei em dançar juntamente com dançarinas da idade media, com fitas presas no meu cabelo despenteado! Eu sonhei amar-te em cada esquina deste mundo! Eu sonhei não viver numa forma espiritualmente tão miserável como vivo!
É como se tivesse morrido... Eu sinto que morri e não encontro nenhuma razão para viver para lá da ideia de contrariar a minha própria morte!

Já não ouço o meu coração bater! O amor é abafado pela distância fria de ser proibida de te ver... Mas eu nunca te deixarei de amar. Porque para lá morte, tu és a outra razão que me mantém neste mundo.

sexta-feira, 19 de julho de 2013

Mão

Passeio sozinha pelas ruas do mundo. A minha mão está acompanhada por uma mão que faz parte de mim!
Sinto que esta mão nunca me irá largar mesmo depois do meu corpo jaza no chão terroso e repleto de bichos... Porque esta mão branca e guiada por lindos olhos verdes é uma mão imaginaria que vive no meu coração e esse sentimento que nutre com tanta força chama-se amor, porque não há outro sentimento que ligue tanto as nossas mãos! E essa uniam será visível até mesmo quando eu estiver a representar num palco que seja o topo de todo o mundo... Porque mesmo que essa mão só esteja ligada a mim pela minha imaginação, eu sei que ela estará sempre na plateia para gritar pelo meu nome e esse grito será mais alto do que algum dia vou voar pois essa mão me verá sempre no topo daquilo que algum dia poderia alcançar... Ela me verá sempre no interior do seu coração!

quinta-feira, 18 de julho de 2013

Sobre Mim

Hoje vou falar para ti, só para ti... Mas vou contar-te sobre mim!
Vou falar-te sobre uma sonhadora que escreve livros de amor e fantasia... Vou falar da sua colecção de penas e a cama que está por fazer...

Guarda brilho na tua caixinha de sonhos porque um sonho que não seja brilhante não é um sonho suficientemente empolgante. Queres saber qual é o meu sonho? Quero que todos possam ler o que eu escrevo e que gostem, porque se gostarem eu vou escrever o resto da minha vida!
Sonho em ter uma pena de coruja juntamente com a de pavão, a de falcão e a de pomba... Porque as penas são o elemento que me falta nas minhas asas invisíveis para que se tornarem de verdade!
Mas se nenhum destes sonhos se puder tornar realidade... então eu só queria ter um cantinho para nós dois!

terça-feira, 16 de julho de 2013

Be Free

I want to be free, to fly in other world, to be happy, to be me...
I want to be free for the rest of my life and I don't want this life anymore...
I need to escape, but do you come with me?
Without you, I can't leave everything because I'm not strong enough!



domingo, 14 de julho de 2013

Pensamentos de Jano

Ondas distantes enroladas sobre si mesmas. Perigos se escondem nessas ondas tão distantes...
As ondas do teu cabelo fazem-me vibrar de emoções escaldantes! As curvas do teu corpo fazem-me querer enterrar os meus lábios nelas para as poder acariciar a cada momento que passa.
E os teus lábios, os teus doces lábios fazem-me sonhar... esse batom cor de pêssego que tu tanto usas dá me sede de te ter ao meu lado. de acariciar as tuas bochechas cor de rubi e os teus olhos verdes, esses olhos que me fazem sonhar com um paraíso de mil cores recortadas com lindas caricias de amores...
Eu amo a tua cor de pele, o teu branco intenso que me faz lembrar as nuvens do céu...
Minha Hasti, eu quero possuir-te até ao final das nossas eternas vidas. Quero passar os meus dedos grossos e rasgados pela vida pelos teus delicados cabelos de ouro.
Eu quero levar-te para um local seguro e cuidar de ti até os deuses te arrancarem de novo dos meus braços!

sábado, 13 de julho de 2013

Novo blog!

Só quero informar os meus leitores que agora juntei (finalmente) os dois blogs que tinha sobre os meus livros publicados e agora cá está ele: http://livrosdejoana.blogspot.pt/!
Daqui em diante publicarei todas as novidades sobre livros da minha autoria neste blog!

segunda-feira, 8 de julho de 2013


Olhos lacrimejantes que chorais em tempos por mim,
Vós contais-me tanta coisa que me apaixonei por ti.
Olhos mentirosos e imergentes!

Ora tu roubais os sonhos de todas as gentes!
E guardais os meus no teu baú de tesouros…
Mas devolvei tudo o que é meu, os meus ouros!

Pois sem essas preciosidades eu não poderei mais viver,
Eu só sei ser assim. Feliz por ainda ter certezas de saber
Onde eu escondo meus sonhos e minhas magias.

Estão escondidos nos meus sonhos, nas minhas fantasias!