Translate

quarta-feira, 10 de setembro de 2014

“O fogo explode na minha mente. Eu ardo nos meus sonhos, mas que quero é ver os outros arder…
Estas escamas, que eu controlo, sobrevoaram os céus. E tudo o que um dia eu conheci será destruído, tal como destruíram tudo o que um dia amei. Não terei misericórdia com quem se riu das minhas lágrimas.
Vou vingar a morte de que me amou…”
Carolina

(Este é um excerto do livro que estou a escrever, alguém curioso?)

1 comentário: