Translate

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Caçar-te

Do cimo da minha torre, vejo-te correr, ora para um lado ora para o outro… Como queria deliciar os meus lábios na tua pele…
Sou um fantasma que não queres encontrar ao virar da esquina, mas sou o vampiro que gostarias de ter na tua cama…
Queres tanto que te consuma como eu te quero consumir, só não percebo porque não te entregas a mim…
E foges do meu olhar! Até o meu olhar te deixa arrepiada! Foges de mim, mas para mim, queres voltar!

Corre, corre, corre rua a baixo que eu nem me esforço para te ir buscar. Quero que sejas tu a compreender que não podes viver sem mim, sei que vais encontrar o meu esconderijo, sei que não vais viver sem mim… Porque até conheceres os meus encantos, não conheces homem nenhum com encantamento!

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

Adoro as pessoas que se dizem defensoras dos animais (por exemplo: vacas, coelhos, porcos) e depois comem-nos... Então, segundo estas pessoas existem direitos dos animais mas só quando esse animais não são o jantar dessas pessoas.
Atitude nada hipócrita!

terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

O Rei Macaco

Anda por aí o rei macaco!
Dizem que ele é louco por querer talco.
O doido do macaco quer ser branco,
Deve pensar que por isso passa a ser santo!

Os macaquinhos têm medo da nova cor,
À qual o rei tem um grande amor!
Mas o que se pode fazer?
O rei é doido a valer!

Os trovadores espalham por todo o lado
Que não saí do quarto se não estiver pintado
O macaco ainda é destronado
Também dizem que o rei é tarado!

Ninguém se deve sentir como o macaco
Porque o seu espírito está um caco.
Tudo porque o rei não sabe:
Que nascemos prefeitos! Essa é uma grande verdade!